Investimento de 11,2ME para melhorar abastecimento e tratamento de águas em Beja

A empresa Águas Públicas do Alentejo (AgdA) anunciou hoje que vai investir 11,2 milhões de euros em três empreitadas para melhorar o abastecimento público de água e o tratamento de águas residuais no concelho de Beja.

As empreitadas, duas relativas a um novo subsistema de abastecimento com recurso a nova origem de água e uma para construção de uma nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR), foram hoje apresentadas numa sessão em Beja, que contou com a presença do secretário de Estado do Ambiente, Carlos Martins.

Segundo o administrador da AgdA João Silva Costa, as três empreitadas, que deverão terminar até final de 2018, vão permitir "assegurar uma gestão integrada do ciclo urbano da água" em Beja "com impacto positivo ao nível da fiabilidade e da robustez do sistema de abastecimento de água e da melhoria da qualidade e da eficiência do tratamento das águas residuais".

Na sessão, foram assinados os autos de consignação das duas empreitadas relativas ao novo subsistema de abastecimento de água a Beja, num investimento de 7,4 milhões de euros.

O novo subsistema irá resolver "problemas complexos" de abastecimento à cidade e à zona oeste do concelho de Beja, designadamente às povoações de Baleizão, Quintos, Salvada e Cabeça Gorda, num total de 30 mil habitantes e cerca de 16 mil alojamentos, disse João Silva Costa.

O sistema de abastecimento de água da cidade "não é robusto" e "assenta no subsistema de abastecimento do Roxo", o qual tem origem na albufeira do Roxo, que abastece Beja e Aljustrel, explicou.

Segundo João Silva Costa, o sistema de abastecimento de água da cidade de Beja tem uma Estação de Tratamento de Água (ETA) junto da barragem do Roxo e uma adução com cerca de 22 quilómetros e "constituída por uma conduta antiga, com muitas avarias e roturas frequentes e sem capacidade só por si para abastecer a cidade", e a adução tem de ser completada com captações subterrâneas.

Já a zona oeste do concelho é servida por sistemas autónomos com origem em águas subterrâneas, que apresentam valores de nitratos elevados e exigem um "tratamento específico, oneroso e pouco fiável".

Para resolver os problemas de abastecimento a Beja, Baleizão, Quintos, Salvada e Cabeça Gorda, foi desenvolvida uma "solução técnica" que passa pela construção de um novo subsistema de abastecimento aproveitando e tendo como origem de água a albufeira da Magra, situada perto de Beja e que faz parte do projeto Alqueva.

Desta forma, Beja passa a ter mais uma origem de água para abastecimento público de água, a albufeira da Magra, além da atual, a albufeira do Roxo, disse João Silva Costa.

Uma das empreitadas relativas ao novo subsistema de abastecimento inclui a construção da nova ETA da Magra e respetivos órgãos complementares e a outra a construção do sistema de adutoras, que irão transportar a água tratada até aos reservatórios de distribuição.

Na nova ETAR da Magra será instalada uma unidade de produção de energia fotovoltaica para auto consumo com 300 quilowatts (Kw) de potência, o equivalente à potência total requerida pela estação, "o que permitirá uma autonomia energética significativa", disse.

Já a nova ETAR de Beja, cuja empreitada de construção começou em janeiro deste ano, num investimento de 3,8 milhões de euros, vai permitir tratar todo o caudal de águas residuais produzido pela população da cidade.

Last modified onsegunda, 28 agosto 2017 16:31

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Outras Informações

Vila Franca apresenta a 9.ª Edição do Pr…

A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, em parceria com a ValorSul, vai assinalar o lançamento da 9.ª Edição do Projeto “Brigada do Amarelo”.

05-01-2018 Hits:28 Noticias Regionais

Read more

2018: Próximo ano é decisivo para avanço…

A descentralização de competências para as autarquias terá uma oportunidade decisiva em 2018, com a ‘bênção’ do Presidente da República, que notou ser “um ano bom” para uma reforma que...

18-12-2017 Hits:47 Notícias Nacionais

Read more

2017: O ano em que Portugal venceu o Fes…

O ano de 2017 fica para a história como aquele em que Portugal venceu pela primeira vez o Festival Eurovisão da Canção, com uma música e um intérprete que não...

18-12-2017 Hits:49 Noticias Da Música

Read more

Parte das receitas de álbum de estreia d…

O DJ português Overule edita na quinta-feira “It’s Not Over”, o seu álbum de estreia, com parte das receitas das vendas a reverterem para os bombeiros portugueses.

18-12-2017 Hits:34 Noticias Da Música

Read more

Utentes do Barreiro aprovam moção contra…

A Comissão de Utentes dos Serviços Públicos do Barreiro aprovaram hoje uma moção de protesto contra a qualidade do serviço prestado pela Soflusa e exigem uma nova reunião com o...

04-12-2017 Hits:65 Noticias Regionais

Read more

Museu Ferroviário entre candidatos a Mus…

A inclusão do Museu Nacional Ferroviário (MNF) na lista dos 40 finalistas candidatos ao Prémio Museu Europeu do Ano 2018 foi recebida com a “maior satisfação” pela Câmara do Entroncamento...

04-12-2017 Hits:67 Noticias Regionais

Read more

O site da Ultra FM usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Mais informação aqui.