Câmara da Moita investiga aparecimento de aves mortas na Caldeira da Moita

A Câmara Municipal da Moita está a investigar o surgimento de vários animais mortos, em especial patos, na confluência do Rio da Moita com a Caldeira da Moita, junto ao Largo da Feira, anunciou hoje a autarquia.

"Nos últimos dias, surgiram muitos exemplares de aves mortas na confluência do Rio da Moita com a Caldeira da Moita, junto ao Largo da Feira.

A fim de apurar as causas deste incidente, a Câmara Municipal da Moita tem estado a proceder a diversas diligências junto das entidades competentes", refere a autarquia, em comunicado.

Nas redes sociais surgiram vídeos e fotografias em que é possível ver os animais muito debilitados ou já mortos na zona da Caldeira da Moita.

A autarquia salienta que já contactou o Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente da GNR e a Divisão de Alimentação Veterinária de Setúbal, a Direção de Serviços de Alimentação e Veterinária da Região de Lisboa e Vale do Tejo, tendo também efetuado várias análises com o Laboratório Pró Qualidade (LPQ) para investigar as causas.

Também o Partido Socialista da Moita abordou o tema, lembrando que já tinha interrogado a autarquia, liderada por Rui Garcia (CDU), sobre o assunto.

"Não obstante o PS ter interrogado a Câmara sobre a morte de patos e peixes no Rio da Moita e na Caldeira e termos obtido como resposta que já tinham feito queixa à GNR e a diversas entidades, a verdade é que a mortandade continua", refere o PS Moita.

Os deputados do PS, eleitos pelo Círculo Eleitoral de Setúbal, anunciaram hoje que já questionaram o Ministério do Ambiente sobre a ocorrência detetada.

"Na vala real que percorre a área que vai da Autoeuropa (Palmela) até à caldeira da freguesia de Moita (Moita) foram, recentemente, identificados patos e pombos mortos, o que permite presumir ter existido descarga inadequada", referem os deputados.

Eurídice Pereira, deputada e coordenadora do grupo de deputados socialistas de Setúbal, refere que é público que a ocorrência foi participada à GNR, mas que se desconhecem mais pormenores.

"Queremos saber se é do conhecimento do Ministério do Ambiente a referida ocorrência e o que dela se conhece, se teve participação da ocorrência por parte da Câmara Municipal da Moita, que diligências pretende o Ministério desenvolver para identificar a origem do problema e procurámos ainda saber se, nos últimos três anos, teve algum conhecimento de ocorrências na referida vala e que medidas foram tomadas", afirmou.

Fonte:Lusa

Last modified onquarta, 12 julho 2017 16:24

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Outras Informações

Vila Franca apresenta a 9.ª Edição do Pr…

A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, em parceria com a ValorSul, vai assinalar o lançamento da 9.ª Edição do Projeto “Brigada do Amarelo”.

05-01-2018 Hits:26 Noticias Regionais

Read more

2018: Próximo ano é decisivo para avanço…

A descentralização de competências para as autarquias terá uma oportunidade decisiva em 2018, com a ‘bênção’ do Presidente da República, que notou ser “um ano bom” para uma reforma que...

18-12-2017 Hits:47 Notícias Nacionais

Read more

2017: O ano em que Portugal venceu o Fes…

O ano de 2017 fica para a história como aquele em que Portugal venceu pela primeira vez o Festival Eurovisão da Canção, com uma música e um intérprete que não...

18-12-2017 Hits:48 Noticias Da Música

Read more

Parte das receitas de álbum de estreia d…

O DJ português Overule edita na quinta-feira “It’s Not Over”, o seu álbum de estreia, com parte das receitas das vendas a reverterem para os bombeiros portugueses.

18-12-2017 Hits:34 Noticias Da Música

Read more

Utentes do Barreiro aprovam moção contra…

A Comissão de Utentes dos Serviços Públicos do Barreiro aprovaram hoje uma moção de protesto contra a qualidade do serviço prestado pela Soflusa e exigem uma nova reunião com o...

04-12-2017 Hits:65 Noticias Regionais

Read more

Museu Ferroviário entre candidatos a Mus…

A inclusão do Museu Nacional Ferroviário (MNF) na lista dos 40 finalistas candidatos ao Prémio Museu Europeu do Ano 2018 foi recebida com a “maior satisfação” pela Câmara do Entroncamento...

04-12-2017 Hits:66 Noticias Regionais

Read more

O site da Ultra FM usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Mais informação aqui.