É urgente que as vítimas da legionella em Vila Franca de Xira, saibam como estão as investigações!

 De acordo com  presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, Alberto Mesquita,  as vítimas do surto de legionella no concelho de Vila Franca de Xira já deviam saber em que pé se encontram as investigações e, passados dois anos, é "exigível" que a justiça funcione de forma "mais rápida" e vá "mais longe" no apuramento da verdade.

 A ideia foi defendida pelo autarca, no rescaldo de uma sessão realizada na cidade sobre o assunto na última semana.

"A investigação devia ser concluída para as pessoas poderem tomar as decisões jurídicas mais adequadas. É exigível que a justiça apure o mais depressa possível quem é o culpado e o que se passou. É o mínimo que se pode fazer. Já vamos com dois anos passados e, mesmo sabendo que a investigação é complexa, as pessoas têm direito a ter uma resposta muito mais pronta da justiça que ainda não tiveram", referiu Alberto Mesquita, avançando que município tem procurado saber em que ponto está o caso na justiça mas não tem tido sorte, situação que deixa  o autarca ainda mais incomodado com a demora do caso, deixando a ideia de que "Tem que se ir mais longe e mais rápido neste problema".

O autarca voltou esta semana a reafirmar que a câmara "tudo fez" do que estava ao seu alcance para apoiar as vítimas e relembrou que continua a haver disponível na câmara um advogado para esclarecer todas as dúvidas que ainda existam. "O que se passou foi muito grave e espero que nunca mais se repita, quer aqui quer no resto do país", lamenta.

 

Fonte:O Mirante

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

O site da Ultra FM usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Mais informação aqui.