INE confirma corte à cabeça de 13,88% nas reformas antecipadas deste ano

As reformas antecipadas pedidas este ano terão um corte à cabeça de 13,88%, tendo em conta os dados da esperança média de vida, de que depende o fator de sustentabilidade a aplicar àquelas pensões, hoje confirmados pelo INE.

Os dados definitivos da esperança média de vida aos 65 anos, hoje publicados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), indicam que este indicador é de 19,31 anos, confirmando-se assim as estatísticas provisórias avançadas em novembro.

Fonte do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social disse hoje à Lusa que estes dados farão com que "o fator de sustentabilidade a aplicar às pensões atribuídas este ano seja de 13,88%".

Isto significa que as reformas antecipadas deste ano terão uma penalização à cabeça de 13,88%, tanto no caso das pensões da Segurança Social como no caso das da Caixa Geral de Aposentações.

A este corte acresce ainda um outro que varia em função do tempo que o trabalhador pretende antecipar a sua reforma, tendo uma redução de 0,5% por cada mês que falte para a idade da reforma (atualmente nos 66 anos e três meses).

As regras de atribuição e cálculo das reformas antecipadas estão a ser revistas e negociadas entre o Governo e os parceiros sociais, sendo que a última proposta do executivo eliminava o fator de sustentabilidade, que faz depender a evolução das pensões da esperança média de vida e é determinado a cada ano, para todas as reformas antecipadas, mas não determinava a partir de quando deixará de ser aplicado.

As novas regras deverão também permitir que os pensionistas com carreiras contributivas muito longas (48 ou mais anos de descontos) e os que tenham carreiras contributivas longas (pelo menos 46 anos) e que tenham começado a trabalhar antes dos 15 anos que se reformem antecipadamente sem qualquer perda do valor da pensão a receber.

Esta proposta não acolhe as exigências das centrais sindicais, que exigiam que trabalhadores com 40 anos de descontos e 60 anos de idade pudessem aceder à reforma antecipada sem penalizações, uma situação que o ministro do Trabalho, Vieira da Silva, justificou com a necessidade de proteger a sustentabilidade financeira da Segurança Social.

A penalização de 0,5% por mês por cada ano de antecipação da reforma deverá manter-se para a generalidade dos trabalhadores, prevendo a proposta do executivo um alívio desta penalização, para os 0,4% por cada mês de antecipação, apenas para aqueles que começaram a trabalhar antes dos 16 anos de idade e que tenham pelo menos 60 anos de idade e 40 anos de descontos à data da reforma.

Fonte:Lusa

Last modified onsegunda-feira, 29 maio 2017 17:09

Leave a comment

Make sure you enter all the required information, indicated by an asterisk (*). HTML code is not allowed.

Outras Informações

Festival Internacional de Jazz quer atra…

O 12.º Festival Internacional de Jazz Além Tejo abre na sexta-feira, em Santiago do Cacém (Setúbal), com uma série de cinco concertos e 'after hours' para atrair novos públicos, anunciaram...

15-03-2019 Hits:158 Noticias Da Música

Read more

Dias da Música antecipam no Porto e em C…

O festival Dias da Música, do Centro Cultural de Belém, parte este ano do Coliseu do Porto, em 18 de abril, com “Sonho de Uma Noite de Verão”, de Mendelssohn...

15-03-2019 Hits:125 Noticias Da Música

Read more

Grelha de Programas

    - 2ª Feira -    - 3ª Feira -    - 4ª Feira -    - 5ª Feira -    - 6ª Feira -    - Sábado -   ...

14-03-2019 Hits:666 Várias

Read more

9.º Amadora Jazz abre com "figuras …

O próximo Amadora Jazz vai decorrer de 07 a 09 de março, com o habitual destaque de "figuras cimeiras do jazz nacional", que este ano combina com músicos estrangeiros, como...

12-02-2019 Hits:202 Noticias Da Música

Read more

Cantor Tom Jones atua em julho em Portug…

O músico britânico Tom Jones vai atuar em julho de 2019 em Cascais, no festival de música CoolJazz, anunciou esta 2ª feira a organização.

11-12-2018 Hits:279 Noticias Da Música

Read more

Tash sultana estreia-se em portugal dia …

A australiana Tash Sultana vai estrear-se em Portugal no NOS Alive, sendo a primeira confirmação para o palco Sagres.

29-11-2018 Hits:366 Noticias Da Música

Read more

O site da Ultra FM usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Mais informação aqui.